quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Metallica confirma shows em quatro cidades brasileiras em 2020


A banda volta ao país com a tour mundial WorldWired, em abril. Apresentações serão realizadas em Porto Alegre, Curitiba, São Paulo e Belo Horizonte

A clássica banda de heavy metal Metallica confirmou, nesta quarta-feira (14/8), que voltará ao Brasil em abril de 2020. Com a tour mundial WorldWired, o grupo passará primeiro em Santiago e Buenos Aires.

O encerramento da turnê será no Brasil. Quatro cidades receberão o show: Porto Alegre, na Arena do Grêmio; Curitiba, no Estádio Couto Pereira; São Paulo, no Morumbi; e Belo Horizonte, no Mineirão. 


Esta é a 10ª vez que os integrantes da Metallica vêm ao país. O último show da banda no Brasil foi em 2017, no festival Lollapalooza, em São Paulo. As bandas Greta Van Fleet e Ego Kill Talent serão as responsáveis pelos shows de abertura nos eventos programados.


A pré-venda exclusiva começa em 20 de agosto e termina no dia 21. As compras podem ser efetuadas a partir de 10h, on-line, e a partir das 12h pelas bilheterias oficiais. Para o público aberto, os ingressos começam a ser vendidos em 22 de agosto. 

Confira a agenda dos shows: 

21/4: Porto Alegre - Arena do Grêmio
23/4: Curitiba - Estádio Couto Pereira
25/4: São Paulo - Estádio do Morumbi
27/4: Belo Horizonte - Estádio Mineirão 




segunda-feira, 22 de julho de 2019

MOTÖRHEAD está celebrando o 40º aniversário dos álbuns 'Overkill' e 'Bomber' com o lançamento do novo site.



As páginas oficiais de mídia social do MOTÖRHEAD foram atualizadas com um vídeo teaser promovendo o site Motorhead79.com. O clipe, com imagens de importantes eventos políticos e culturais da cultura pop de 1979, bem como breves visões do shows do MOTÖRHEAD, inclui o slogan: "We interrupt your regularly scheduled programming for the following important news update..." ("Interrompemos sua programação regularmente programada para a seguinte atualização de notícias importante ...") 


O Ano de 2019 o MOTÖRHEAD marca o 40º aniversário dos álbuns "Overkill" e "Bomber", que será celebrado o ano todo, ao longo dos proximos meses com anúncios bem empolgantes. Em abril deste ano, a MOTÖRHEAD lançou um single especial, "Overkill / Bomber", em vinil de sete polegadas com disco de duas fotos via BMG. O single apresentou uma nova remasterização de 2019 da edição única original de "Overkill". O luxuoso disco de imagem dupla foi inserido dentro de uma capa dura, com fotos icônicas da banda, filmadas por Paul Slattery em 8 de fevereiro de 1979 em frente a um enorme mural Motörhead Snaggletooth na Harrow Road em Paddington, Londres.

   

Depois de três anos e meio sem Lemmy Kilmister, mesmo que o mundo ainda sinta o luto pela sua perda, o MOTÖRHEAD está mais do que vivo. Revistas de rock em todo o mundo têm histórias sobre o MOTÖRHEAD em suas edições regularmente, prestando homenagem a uma das bandas lendárias de todos os tempos. A camisa da banda icônica ainda é o item de mercadoria mais procurado, orgulhosamente usado por fãs, amigos e colegas músicos. 

Pesquisas de fim de ano em revistas de música mostram a influência que Lemmy e sua banda MOTÖRHEAD tiveram, a banda fez um grande impacto e as pegadas que deixaram são enormes. Lemmy morreu em dezembro de 2015 aos 70 anos, pouco depois de saber que havia sido diagnosticado com câncer. Ele lidou com vários problemas de saúde nos últimos anos de sua vida, incluindo problemas cardíacos, forçando-o a reduzir seus famosos hábitos de fumar. O MOTÖRHEAD teve que cancelar vários shows em 2015 por causa da saúde debilitada de Lemmy, embora a banda tenha conseguido completar a ultima turnê européia algumas semanas antes de sua morte. 



terça-feira, 16 de julho de 2019

BRUCE DICKINSON: ASSISTA PALESTRA DA CAMPUS PARTY BRASÍLIA NA ÍNTEGRA




O canal oficial da Campus Party no Youtube publicou a íntegra da palestra do vocalista do Iron Maiden na edição de Brasília do maior evento de tecnologia e inovação do país. Na palestra, Bruce Dickinson valorizou a importância do processo de criação de um novo negócio com exemplos simples e ressaltou a importância de ir além. No caso dele, gostar e fazer outras coisas além do universo musical. “Temos que ser cada vez mais eficientes, ter diferentes soluções. Criar coisas que as pessoas precisam, que elas vão querer usar. Para o empreendedor, zero mais zero é igual a um.” Sob os olhares atentos dos campuseiros, ele desafiou: “O que você pode fazer? Pessoas conseguem fazer coisas incríveis porque ninguém diz que não poderia. Busque o que você quer”. Assista a palestra completa de Bruce Dickinson na Campus Party Brasília.

   

Essa foi a terceira edição da Campus Party Brasília e consolidou o evento como o segundo maior do mundo, com uma fantástica imersão tecnológica em Internet das Coisas, Blockchain, Cultura Maker, Educação e Empreendedorismo em mais de 350 horas de atividades, 300 palestrantes, 200 palestras e 110 workshops, ostentando grandes resultados de participação e engajamento: com 9 mil campuseiros, sendo 3 mil acampados, e mais de 100 mil pessoas presentes na Open Campus, o espaço gratuito do evento, nos seus cinco dias de funcionamento. 

Fonte: ironmaiden666  

Review: Ozzy Osbourne – Ozzmosis (1995)


Em 1992, Ozzy Osbourne foi diagnosticado com esclerose múltipla e isso foi suficiente para anunciar sua aposentadoria e encerrar precocemente a turnê do álbum No More Tears (1991). Como consequência, ocorreu a dissolução de sua banda de apoio, que era formada por Randy Castillo, Mike Inez e Zakk Wylde. Quando Ozzy descobriu que foi diagnosticado erroneamente e que, na verdade, ele tinha a raríssima Síndrome de Parkin (problema genético com sintomas semelhantes aos do Mal de Parkinson), ele decidiu voltar à ativa e precisou montar novamente uma banda para gravar um novo álbum.

Sétimo disco gravado pelo Madman, Ozzmosis (1995) é o primeiro registro de estúdio da carreira solo do músico a contar com seu ex-companheiro de Black Sabbath, Geezer Butler, no baixo. Completam o time o então já consagrado Zakk Wylde nas guitarras(recrutado novamente para o posto), Deen Castronovo na bateria (Journey, The Dead Daisies) e Rick Wakeman nos teclados (Yes).

O disco conta com a produção - também teclados em algumas faixas - de Michael Beinhorn, que até então havia produzido Mother’s Milk (1989) do Red Hot Chili Peppers e Superunknown (1994) do Soundgarden, entre outros. Originalmente, as gravações começaram com o produtor Michael Wagener (Extreme, Skid Row, Dokken), mas após a gravação de algumas faixas a gravadora não gostou do estilo da produção e Wagener foi substituído por Beinhorn, que trouxe uma sonoridade mais moderna, característica que seria seguida em todos os álbuns a partir deste. Alice in Chains, Stone Temple Pilots e Nirvana estavam em alta na época, e isso pode ter contribuído para a sonoridade mais alternativa encontrada em Ozzmosis.

Repetindo o que havia ocorrido no antecessor, o álbum traz uma faixa composta por Ozzy e Lemmy, a ótima “See You on the Other Side”, que compõe a dupla das melhores canções do disco junto com a pesadíssima faixa de abertura, “Perry Mason”.

Única parceria da carreira com o guitarrista Steve Vai, a balada “My Little Man” soa deslocada nesse álbum. Tem letra que parece uma canção de ninar destinada a Jack Osbourne, então com 10 anos e para quem a música foi composta. Pouco antes gravar Ozzmosis, Ozzy e Vai juntaram-se em um projeto chamado X-Ray, que acabou não evoluindo. A dupla escreveu várias músicas, dentre elas “My Little Man”, único fruto dessa empreitada a entrar em Ozzmosis e que conta com Zakk tocando cítara na introdução. Outra parte dessas canções apareceu em Fire Garden (1996), de Steve Vai.

I Just Want You”, co-escrita por Jim Vallance (parceiro de composição de Bryan Adams nos seus maiores hits) também é uma das melhores, com o vocalista alcançando notas altas no final. Em “Tomorrow”, que pelo andamento poderia estar em um velho disco do Sabbath, Ozzy surge cantando de maneira rasgada, o que possivelmente resultou em alguns dias sem voz após a gravação. O excesso de baladas atrapalha o fluxo do disco, que encerra com “Old L.A. Tonight”. Esta, juntamente com “Denial”, é uma das músicas mais fracas do trabalho.

Relançado em 2002 com as canções extras “Whole World’s Fallin’ Down” (que poderia tranquilamente estar na versão original) e “Aimee”, Ozzmozis é um disco digno que marca o início de uma nova sonoridade para um velho ícone do heavy metal. O problema é que, depois dele, Ozzy entrou em uma zona de conforto e passou a se repetir álbum após álbum.

Por Diego Colombo

KORN – NOVO ÁLBUM E PRIMEIRO SINGLE; OUÇA “YOU’LL NEVER FIND ME”



A banda americana Korn anunciou na última quarta, 26, o lançamento do primeiro disco em três anos. Intitulado The Nothing, o álbum será produzido por Nick Raskulinecz que trabalhou com o grupo no último lançamento The Serenity of Suffering (2016). Para acompanhar o anúncio do disco, o Korn compartilhou o primeiro single, “You’ll Never Find Me”. A banda também revelou a arte da capa de The Nothing e a lista de faixas.

The Nothing será lançado dia 13 de setembro e marcará o 13º disco de estúdio do Korn. 

   


The Nothing: 

1. The End Begins 
2. Cold 
3. You’ll Never Find Me 
4. The Darkness Is Revealing 
5. Idiosyncrasy 
6. The Seduction of Indulgence 
7. Finally Free 
8. Can You Hear Me 
9. The Ringmaster 
10. Gravity of Discomfort 
11. H@rd3r 
12. This Loss 
13. Surrender to Failure

LACUNA COIL: “BLACK ANIMA” SERÁ LANÇADO EM OUTUBRO



O LACUNA COIL lançará seu novo álbum, Black Anima, no dia 11 de outubro através da Century Media Records.



A vocalista Cristina Scabbia comentou: “Black Anima é todos nós. É você e sou eu, é tudo o que escondemos e ferozmente expomos a um mundo que está meio adormecido. É o espelho embaçado em que estamos procurando pela verdade. É sacrifício e dor, é justiça e medo, é fúria e vingança, é passado e futuro … Seres humanos na magnificência de uma ambiguidade perturbadora. O núcleo negro que equilibra tudo… como sem a escuridão não haveria luz. Nós orgulhosamente apresentamos a você nosso novo trabalho, e mal posso esperar para recebê-lo em nosso abraço. Nós somos o Anima”.



O ano de 2018 marcou o 20º aniversário da estreia do LACUNA COIL. Para celebrar a ocasião, eles fizeram um show excepcional em janeiro de 2018, em Londres, no O2 Forum Kentish Town. O evento único foi filmado e gravado para The 119 Show – Live In London, que foi lançado em novembro passado.



O LACUNA COIL fará uma série de aparições em festivais no verão e embarcará em uma extensa turnê europeia no outono com ELUVEITIE e INFECTED RAIN.




FONTE: rockfreeday




CÃES DE ALUGUEL DIVULGA DATAS DA “WOLF IN WOLF SKIN TOUR”


Prestes a lançar seu segundo EP intitulado “Wolf In Wolf Skin”, a banda brasiliense de blues-rock Cães de Aluguel anuncia uma série de shows de divulgação de seu novo trabalho. Já são 12 datas já confirmadas em pubs, casas de show e festivais no Distrito Federal, Goiás e Minas Gerais.

“Algumas pessoas terão oportunidade de conhecer novas músicas antes mesmo do lançamento do EP”. A data do lançamento oficial de “Wolf In Wolf Skin”, assim como a capa do mesmo, serão divulgadas pela banda já nos próximos dias”, disse o guitarrista Adônis Reis.

Seguem as datas:

Salute Lounge Bar – Gama DF 13/07
Torre Sobre Rodas – Brasília DF 16/07
Una British Pub – Águas Claras DF 19/07
MC L.A.M.A (BCMW) – Brasília DF 20/07
Trend’s Bar – Gama DF 21/07
Bar do Batata – Planaltina DF 26/07
MC Old Skull (BCMW) – Brasília DF 27/07
Florida Mall – Guará DF 07/08
Vikings Pub – Goiânia GO 09/08
Macanudos Moto Rock – Unaí MG 17/08
O’Rilley Irish Pub – Brasília DF 28/08
Gama Camp Rock – Gama DF 12/10

Recentemente, a banda Cães de Aluguel lançou videoclipe de “Wolf In Wolf Skin”, faixa inédita do novo EP que será lançado nas próximas semanas. Assista o videoclipe: 


Formada por Nathal de Oliveira (vocal), Bia Portis (sax e flauta), Adônis Reis (guitarras), Osmar Oliveira (baixo) e Lucas Carmo (bateria), a banda Cães de Aluguel promete grandes lançamentos para o mês do Rock. Criada em Brasília no ano de 2013 a Cães de Aluguel é um grupo de Blues-Rock inspirada nas lendárias bandas do final dos anos 60 e início dos anos 70.

Suas influências vão desde Led Zeppelin, Cream, Experience, Deep Purple, Free, Creedence Clearwater Revival, passando pelo funk e soul music de artistas como Stevie Wonder e James Brown, o blues de B.B. King, Albert King, Elmore James, Muddy Waters, além de bandas contemporâneas como Gov’t Mule, Black Country Communion, Tedeschi Trucks Band, Rival Sons e muitas outras.

Links relacionados:

Tel.: (61) 9 8353-4180
E-mail: caesdealuguelband@gmail.com

KORPIKLAANI: CONFIRA O NOVO SOM “PIVO PIVO”


A banda de folk metal finlandesa KORPIKLAANI lançou um ‘lyric video’ para Kuin Korpi Nukkuva, uma canção do seu mais recente álbum de estúdio, Kulkija, lançado pela Nuclear Blast. Kulkija teve a arte da capa elaborada por Jan Yrlund (BATTLE BEAST, MANOWAR), que trabalhou anteriormente com o KORPIKLAANI em vários álbuns e singles, incluindo o clássico Vodka, de 2009.

   

Sobre o álbum, Järvelä declara:“Nós nunca ficamos tão satisfeitos com o resultado final de um álbum como estamos com o Kulkija. Nós tentamos mantê-lo muito natural, e é isso que você ouvirá logo de cara, claramente. Este álbum é uma jornada que faz você se sentir bem. Fique ligado!” 

Fonte: Rockfreeday  

quarta-feira, 12 de junho de 2019

SCORPIONS, WHITESNAKE, MEGADETH, EUROPE E ARMORED DAWN ESTÃO CONFIRMADOS NO ROCKFEST EM SÃO PAULO


Cinco grandes nomes do rock mundial vão dividir o palco na primeira edição do ROCKFEST, que acontecerá no dia 21 de setembro no Allianz Parque, em São Paulo. Cada atração representa um país diferente: Scorpions (Alemanha), Whitesnake (Inglaterra), Megadeth (Estados Unidos), Europe (Suécia), além dos brasileiros do Armored Dawn. A venda de ingressos para o público começa no dia 13 de maio pelo site.ingressorapido.com.br/rockfest .

Serviço

Local: Allianz Parque

Endereço: Avenida Francisco Matarazzo, 1705 – Água Branca – SP

Data: 21 de setembro de 2019 (Sábado)

Portas: 14h

Scorpions: 22h

Whitesnake: 20h15

Megadeth: 18h45

Europe: 17h15

Armored Down: 16h15

Classificação etária: 14 (quatorze) anos desacompanhados. Menores de 14 (quatorze) anos poderão comparecer ao evento desde que acompanhados dos pais e/ou responsáveis legais. Informação sujeita à alteração, conforme decisão judicial.

Valores:

Setor Inteira Meia

Pista Premium R$580,00 R$290,00

Pista R$300,00 R$150,00

Cadeira Nível 1 R$450,00 R$225,00

Ingressos a venda a partir do dia 13/05/19 as 10h – Ingressos Parcelados em até 4X


Postos de venda: Confira no link qual o ponto de venda mais próximo: https://site.ingressorapido.com.br/rockfest

Ponto de venda sem taxa de conveniência:

Bilheteria Allianz Parque – Avenida Francisco Matarazzo, 1705

Água Branca, São Paulo – SP, 05001-200

Horário de Funcionamento

Das 10h às 18h

– Dias de jogos do Palmeiras no estádio, a bilheteria não funcionará.

Meia Entrada:

Confira a política de meia entrada em: https://site.ingressorapido.com.br/meiaentrada

Mapa de Vendas

Mais Informações:

Facebook @mercuryconcerts | Instagram @mercuryconcerts |

Twitter @mercuryconcerts

Informações à imprensa:

Denise Catto Joia – cattojoia@uol.com.br
Simone Catto Joia – sicattojoia@uol.com.br

RAMMSTEIN: BANDA LANÇA CLIPE IRONIZANDO O COLONIALISMO


A banda alemã Rammstein acaba de lançar no YouTube o terceiro de cinco clipes do autointitulado novo álbum.

“Ausländer” apresenta a banda como colonizadores e exploradores. O vídeo acrescenta nova camada de significados sociopolíticos à letra com duplo significado. O “estrangeiro” do título pode representar um viajante que não tem uma moradia fixa ou uma pessoa com vários parceiros sexuais.

Além deste, a banda já havia lançado os clipes de “Radio” e “Deutschland”

Assista ao vídeo, dirigido por Antonio Paladino, abaixo:




Fonte: rockfreeday



ANDRÉ MATOS: CAUSA DA MORTE É REVELADA E O CORPO DO CANTOR FOI CREMADO


A página oficial do cantor Andre Matos no Facebook confirmou a causa de sua morte: ataque cardíaco. O corpo do fundador das bandas Angra, Viper e Shaman foi cremado no último domingo, 9, sem a presença de fãs.

“É com profundo pesar que confirmamos o falecimento do Andre esse sábado de manhã devido a uma parada cardíaca.

Como muitos sabem, ele era uma pessoa extremamente reservada – e manifestou em vida, por mais de uma vez, o desejo de não ter um velório. Respeitando a sua vontade, ele será cremado hoje com a presença somente dos familiares.

Agradecemos a todos pela compreensão e contamos com vocês para que a memória e o legado do André permaneçam vivos para sempre. Carry on.”

Fonte: rockfreeday

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

Judas Priest: Ouça trecho de 12 segundos da nova faixa Spectre "Spectre" fará parte do novo álbum

"Firepower", que será lançado dia 9 de março pela Epic.

   

 Fonte: Whiplash